Sexta-Feira, 1 de janeiro de 2021

ESTUDO BÍBLICO #60 – SEXTA-FEIRA, 1 DE JANEIRO DE 2021

TEMA: DESEMBARAÇANDO-NOS DO PESO DO PECADO

Dr. William Soto Santiago

Sexta-feira, 9 de julho de 1999

Chiclayo, Lambayeque, Peru

Escritura base: Hebreus 12:1-2

LIVRO DOS SELOS

Deus em simplicidade – Pág. 49

Rev. William M. Branham

193. Agora, o homem antes de ter pecado (já em conclusão, por favor não deixem passar isto). Quando o homem pecou se separou de Deus e ali cruzou o grande abismo colocando-se com a morte deste lado; veio e não havia maneira de retornar. Exatamente. Não havia maneira de retornar. Mas quando isto aconteceu, Deus então aceitou um substituto, um cordeiro, das cabras ou ovelhas ou algo parecido – de sangue, do qual falou Abel do outro lado do abismo. Daquele lado ele é um filho de Deus, um descendente de Deus, um coerdeiro da Terra; podia nesta capacidade até controlar a natureza, podia falar algo e isto vir a existência, pois era um criador porque era prole de Deus. Mas quando cruzou o abismo então pois a perder seu estado de filho, é agora um pecador por natureza, está sob as mãos e o domínio de Satanás. Depois Deus tomou um sacrifício, a química do sangue; mas o sangue de bodes e de bezerros não apagou o pecado, unicamente o cobriu. Se eu tenho uma mancha vermelha na mão e a cubro com um pano branco, a mancha ainda está, sim. Mas Deus enviou do Céu um Cloro para o pecado por meio do Sangue de Seu próprio Filho. E quando nossos pecados confessados são lançados no cloro de Deus, você tente então achá-los. A cor do pecado regressa através dos mediadores e através do tempo, até chegar ao mesmo acusador, Satanás, e ali permanece até o dia do juízo.

194. E o que acontece com o filho? Ele chega de novo a um companheirismo com o Pai, parado com Ele do outro lado do abismo sem nenhuma lembrança do pecado ao contrário, a mancha de maneira nenhuma se achará no cloro. Ele então está livre. Aleluia! É igual como a tinta, jamais pode voltar a ser tinta, porque foi quebrantada e regressada à sua origem; quando o pecado confessado foi confessado e colocado… Quando um homem ou mulher foi colocado e tirado do Sangue de Jesus Cristo, isso prende todos os sintomas do pecado; e as moléculas regressam ao diabo e ali permanecem sobre ele até o dia do juízo quando será lançado ao lago de fogo como seu destino eterno; então o abismo é fechado e jamais será lembrado; o homem então se encontra justificado como filho de Deus: a simplicidade.

 

TODOS SEREMOS PROVADOS PARA SERMOS ADOTADOS

VOL. I – Pág. 38-39

A batalha

Dr. William Soto Santiago

Domingo, 5 de fevereiro de 1978

Cayey, Porto Rico

Em uma ocasião um índio que se converteu através do ministério do irmão Branham, veio e esteve falando com o irmão Branham, e ele dizia que dentro dele encontrava e sentia uma luta, uma batalha; e explicava, você sabe, em forma simbólica: ele dizia que dentro dele havia uma batalha de dois cães, e ele dizia que um era branco e outro era negro; e ele dizia que esses dois cães aí dentro dele estavam batalhando, estavam lutando; e então o irmão Branham lhe perguntava: “E a batalha como vai? Qual dos dois está ganhando a batalha?” Então, me parece que era o índio que dizia: “Bom, tudo depende do lado de qual deles dois eu me coloque”.

Se ficar do lado do cão branco, então a batalha estaria a favor do cão branco; mas se ficar do lado do cão negro, a batalha então estaria a favor do cão negro. O cão negro, você sabe que o índio queria significar com isso que o cão negro era o diabo, e o cão branco era o Senhor, era Deus. E então este índio ou este chefe índio sentia essa luta e essa batalha, assim como nós a sentimos.

Mas estejamos do lado do cão branco, estejamos do lado de nosso Deus, estejamos do lado da Sua Palavra; e sempre com um “Amém!” ao que Deus diz em Sua Palavra, e com um: NÃO, categórico, contra toda coisa que o diabo quiser nos fazer crer, ou fazer que nós aceitemos, ou fazer que nós façamos.

E mesmo que você se sinta como que a batalha é tão dura que você pense que a batalha vai ser perdida em sua vida, siga em frente sempre, e fique sempre do lado da Palavra de Deus. E até, mesmo que cometa erros ou faltas, nunca em seu coração aceite essas coisas como parte sua. Mesmo que caia em alguma ocasião em faltas ou erros, você reconheça que é porque estamos ainda nestes corpos terrenos; e por estar nestes corpos terrenos, por isso o diabo por aí pode entrar, para fazer que nós caiamos em faltas e erros; e essa é a parte fraca de cada filho de Deus que fica aqui na Terra.

Portanto, não importa as vezes que você cometa a mesma falta: arrependase dela.

 

QUANDO A FÉ É UNGIDA

Dr. William Soto Santiago

Domingo, 10 de abril de 1977

Serviço da Carpa,

Cayey, Porto Rico

Vê você que os Trovões primeiro têm que pronunciar suas vozes? E então haverá um grupo que poderá tomar essa Palavra dos Trovões, essa Mensagem dos Trovões, e colocá-la bem, tê-la bem colocada; e então poderá cortar, poderá partir, poderá fazer tudo o que Deus prometeu que vai fazer através desse grupinho. Ou seja que será Deus através de carne humana que poderá fazer tudo o que Ele prometeu que faria.

Menosprezar, rejeitar ou blasfemar contra esse grupinho, é algo triste. É o mesmo que Deus disse com relação a Israel: “Os que o abençoarem, serão benditos; e os que o amaldiçoarem, serão malditos”. Vê você?

E aí então se cumprirá: “Qualquer um que der um copo de água fria a um destes meus pequeninos, não perderá sua recompensa”. E no Juízo Final então aparecem também aqueles que são colocados à direita, e eles perguntam: “Bom, e por que estamos aqui? Por que Tu dizes que quando teve fome lhe demos de comer, quando teve sede lhe demos de beber?”. Ele lhes diz: “Por quanto fizestes a um destes meus pequeninos, a mim fizeste”.

Vê você que quando se falha contra Deus, ou quando se fala contra Deus, ou quando se blasfema contra Deus, ou quando alguém se rebela contra Deus, é quando alguém se rebela contra aqueles que sua fé foi ungida, e que são os instrumentos de Deus para esse tempo? Porque Deus está nesses véus de carne. Falar uma palavra contra eles, é falar contra Deus; falar a favor, é falar a favor de Deus. Dar de comer a um desses pequeninos, é dar de comer ao Senhor; não dar de comer quando eles necessitam, é não dar de comer ao Senhor. E tudo tem sua recompensa.

A recompensa dos que derem a Deus através de carne humana, e atuam corretamente, a recompensa é muito grande, é uma bênção muito grande; mas a recompensa para os que não atuam corretamente, mas que se rebelam contra eles, sua recompensa é muito triste; é algo com o qual eles não estão de acordo quando vão receber, mas o Senhor diz: “Bom, quando fez a um destes pequeninos, quando fez algo contra eles, contra Mim o fizeste. Quando não fez algo a favor deles, pois não o fez a meu favor”.

Agora, veja você a hora em que estamos, veja você as pessoas que vão receber bênção por causa do seu bom comportamento com relação ao grupo escolhido do Senhor. Veja também a tristeza que haverá para algumas pessoas por seu mau comportamento com relação ao grupo escolhido do Senhor.

Agora, vemos que quando Deus estava no meio do povo de Israel através de Moisés, e usando Moisés para benefício do povo, bom, não havia atração neles, porque como todas as demais pessoas, como todas as demais nações, pois encontramos que tinham suas partes más. Vê? E o diabo, pois, era quem estaria então tentando de desalentar o povo pelas partes más, as coisas más que o povo tinha; mas Deus diz que os olhou desde a Rocha, e não viu falta neles. Vê?

Portanto, se Deus os olhou desde a Rocha, desde o Topo da Montanha, pois Deus não encontra falta neles; então por isso é que Deus tem uma forma para acertar as partes más que nós temos. A tinha lá naquele tempo e a tem hoje.

Mas Deus quando olha Seu povo, Ele o olha desde o Topo do Monte. Qualquer um que se colocar, de fora, qualquer um que se puser a criticar as faltas que tiverem os filhos de Deus, qualquer um que faça isso, busca tremendo problema; porque quem os abençoar, será abençoado; quem os amaldiçoar, será maldito. Assim que, melhor, nossas faltas, nossos erros, nos os acertamos entre nós mesmos, conforme o plano e à ordem que Deus nos deu para acertar tudo isso. Vê?

E cada um de nós: como fiel irmão um com o outro. Nossas faltas, mesmo que as conheçamos um do outro, as deixamos quietinhas e não as tiramos para fora, ao mundo, para que ninguém de fora tenha direito a apontar as faltas que tiverem os irmãos. Qualquer um que tire para fora buscou tremendo problema com Deus também. Tirá-las fora de nós, se nós as sabemos, pois isso não… Melhor, pois isso é assunto aqui entre irmãos; pois nós mesmos sabemos que temos nossas faltas e que não podemos tampar (como dizem as pessoas) não podemos tampar o céu com as mãos. Eu as tenho, você as tem, todos as temos; mas nos encomendamos ao Senhor um ao outro.

Sabemos que até com nossas faltas, com tudo isso, sabemos que somos o povo do Senhor. E Ele, que nos escolheu não sabia que teríamos que ter nossas faltas? Pois claro que sabia. Mas com tudo isso Ele disse: “Estes são meus filhos”. E como estamos na Era da Pedra Angular, que é a Era do Amor, o Amor cobre multidão de pecados.

Portanto, então, mesmo que nos conheçamos um ao outro, mesmo que saibamos nossas próprias faltas um do outro, não é motivo para nos criticarmos um ao outro. Porque quando você assinala a palha que tem seu irmão, é porque você deve ter alguma viga. Então aqui, pois, ninguém pode atirar pedras um no outro, porque quem mais e quem menos, tem sua falta.

Mas cada um esperamos que o Senhor, à medida que vamos acertando tudo, tenha misericórdia de nós; e isso não esteja registrado diante de Deus, mas tenha sido lançado ao mar do esquecimento; portanto, então o que fazemos aqui é nos ajudar um ao outro. Assim que ninguém aqui se faz mais santo que o outro.

Aqui o único que podemos fazer e proclamar é, o único podemos dizer é: “Deus foi misericordioso conosco”. Porque quem mais ou quem menos, merecia o inferno; mas pela escolha de Deus, pois as cordas nos caíram em lugares deleitosos e grande é a herança que nos correspondeu, porque Ele tem misericórdia de quem tem misericórdia, e teve misericórdia de nós. E se isso não é algo grande, então eu não sei o que é algo grande para nós.

Impresso em Porto Rico