Domingo, 27 de setembro de 2020

ESTUDO BÍBLICO #33

DOMINGO, 27 DE SETEMBRO DE 2020

TEMA: A VOZ DA TROMBETA NO MONTE DE DEUS

Dr. William Soto Santiago

Sexta-feira, 9 de janeiro de 1998

Cayey, Porto Rico

Escritura base Hebreus 12:18-29

LIVRO DE CITAÇÕES – Pág. 50

Revelação Capítulo 4 e 24 Anciãos

Jeffersonville, Ind., 1-1-61

Rev. William M. Branham

428 – “Quando Moisés foi ao monte Sinai, o que aconteceu? Trovões, relâmpagos, e até se uma vaca ou um bezerro ou um cordeiro ou alguma pessoa sequer tocasse o monte, tinha que morrer… Josué o grande guerreiro devia levar os filhos para dentro e dividir sua herança, só podia vir até metade do caminho do monte”.

 

A VISÃO DA GRANDE CARPA CATEDRAL – VOL. I

Pág. 461-462

As damas em vitória trabalhando

sem limites no Último Dia

Dr. William Soto Santiago

Quarta-feira, 17 de setembro de 2008

Torreón, Coahuila, México

E agora, é na Era da Pedra Angular onde se cumprirão todas essas promessas, todas essas profecias correspondentes ao Último Dia, e onde a Voz de Cristo estará falando em forma consecutiva. E isso será a Voz do Anjo Forte, de Cristo como Rei dos reis e Senhor dos senhores, clamando como quando ruge um leão e sete trovões emitindo Suas vozes. Quando Cristo fala é um trovão, é a Voz de Deus, troveja como no monte Sinai.

E agora, vejam vocês, quando Cristo em uma ocasião esteve falando, orando, e disse que o glorificasse, Deus disse com voz trovejante: “O Glorifiquei, e o glorificarei outra vez”. Deus glorificará Seu Nome de novo. “Glorifica Teu Nome”. —“O glorifiquei e o glorificarei outra vez”. O glorificou na Primeira Vinda, e para o Último Dia o glorificará novamente.

Vejamos aqui: versículo 28, de São João, capítulo 12 (versículo 28), diz:

“Pai, glorifica seu nome. Então veio uma voz do céu que dizia: Já o tenho Glorificado e outra vez o glorificarei.

Ora, a multidão que estava ali e que a tinha ouvido dizia que havia sido um trovão (vê?). Outros diziam: Um anjo lhe falou”.

Quando Deus fala, as pessoas escutam um trovão; mas o mensageiro que Deus tiver; ao qual estiver falando…, como aconteceu com Jesus nesse momento, e como aconteceu no Monte da Transfiguração, e como aconteceu com São Paulo quando se encontrou com Cristo: eles escutaram a Voz e entenderam. Outras pessoas escutaram um trovão.

Quando Deus falava com Moisés no monte Sinai, diz a Escritura que o monte estava aceso em fogo, fumegava, e também trovejava; ou seja: que havia trovões ali; estavam se escutando trovões, e a voz da trombeta soava extensamente ou longamente; e era Deus falando com Moisés.

 

LIVRO DOS SELOS

O Sétimo Selo – Pág. 458-459

Rev. William M. Branham

112. Então é entre o Sexto e Sétimo Selo quando Ele chama estas pessoas, as quais foram mencionadas por Jesus Cristo em Mateus 24:31. Quando a Trombeta soa, será a Trombeta das duas testemunhas da era da graça para os judeus. Soa uma Trombeta… Agora vejamos mais claro aqui em Mateus 24:31: “E enviará seus anjos (não é somente um, mas dois) com rijo clamor de trombeta”. O que é? Quando Deus fala, ouve-se o som de trombeta. Sempre foi assim a Voz de Deus, chamando à batalha. Deus está falando. Estes dois anjos vêm com o som da Trombeta. E notem bem: Mas nos dias da voz do sétimo anjo, soa a Trombeta. Nos dias da voz do primeiro anjo, soou a trombeta. Nos dias da voz do segundo anjo, soou uma trombeta, e assim foi quando Ele mandou a cada um.

113. Mas quando foram anunciados os Selos, estavam todos juntos em uma grande cena divina para chamar um grupo de pessoas, e houve o som de uma só Trombeta; e foram abertos sete Selos. Ele está reunindo Seus judeus escolhidos dos quatro ângulos da Terra.

 

A VISÃO DA GRANDE CARPA CATEDRAL – VOL. III

Pág. 302-303

Os quarenta dias de Jesus na Terra,

antes do rapto (Introdução)

Dr. William Soto Santiago

Sexta-feira, 1 de abril de 2016

Cayey, Porto Rico

Para este tempo final haverá uma grande manifestação de Cristo no meio da Sua Igreja, para cumprir essas profecias que estão nas festas hebraicas, as quais são a sombra, o tipo e figura, da Obra que Deus realizaria no meio do Seu povo na Primeira Vinda e em Sua Segunda Vinda.

Em Sua Primeira Vinda e em Sua Segunda Vinda Ele cumprirá essas festas, as quais já faltam somente três festas para serem cumpridas. Assim estejamos à expectativa, porque algo grande está por ocorrer no Programa Divino.

E no cumprimento da Visão da Carpa veremos como essas festas vão se mover, como o cumprimento dessas profecias, vamos ver mais claramente sendo realizadas pelo Espírito de Deus.

Cristo no meio da Sua Igreja em Espírito Santo esteve desde o dia de Pentecostes, pois Ele disse: “Eu estarei convosco todos os dias, até o fim do mundo”. (São Mateus, capítulo 28, versículo 20). E São Mateus, capítulo 18, versículo 20, nos diz: “Onde estiverem dois ou três reunidos no meu Nome, eu estarei ali”. E Ele vai se manifestar em toda Sua plenitude, e vai manifestar Seu Nome Eterno no Último Dia, porque Ele vem em Apocalipse, capítulo 19, com um nome que ninguém entende a não ser Ele mesmo. E no capítulo 3, Ele escreverá sobre o vencedor o Nome do nosso Deus, o Nome da cidade do nosso Deus e Seu Nome Novo (capítulo 3, versículo 12, de Apocalipse).

Ou seja: que haverá uma quantidade grande de bênçãos divinas para os crentes em Cristo sob o Novo Pacto, que impactará a alma, o espírito e a mente da Sua Igreja e de todos os seres humanos.

Uma vez mais Deus manifestará Seu poder em toda Sua plenitude, e em seguida nos levará daqui da Terra à Casa de nosso Pai celestial, para à Ceia das Bodas do Cordeiro; onde serão investidos Cristo e Sua Igreja, o Rei e a Rainha, para governar sobre este planeta Terra no Reino Milenial.

 

LIVRO DOS SELOS

O Sexto Selo – Pág. 373

Rev. William M. Branham

215. Reconhecemos que resta pouco tempo, e a Noiva pode subir a qualquer momento. A qualquer momento é possível que o Cordeiro saia do Trono de Deus, onde se encontra o Sacrifício. Em seguida ali será o fim. Já não haverá esperanças para o mundo; ali será seu final. Nesse tempo a Terra começará com suas contrações violentas, que serão os terremotos e as tremendas sacudidas, como aconteceu no dia da ressurreição do nosso Senhor. A mesma coisa acontecerá agora quando os Santos aparecerem. Senhor, sabemos que pode ser a qualquer momento. Estamos esperando que chegue esse grande dia de alegria. Pai, toma os Teus filhos sob Teu braço agora mesmo, junta os cordeirinhos no Teu seio e alimente-os com a Palavra, para que sejam fortalecidos para te servirem. Os entregamos todos a Ti.

 

LIVRO DE CITAÇÕES – Pág. 129

Festa das Trombetas

Jeffersonville, Ind., 19-7-64

Rev. William M. Branham

1152 – “Ele disse, em… ‘A Grande Trombeta soaria’. A Grande Trombeta! Não Trombetas agora, a festa das trombetas; há dois deles, Moisés e Elias, para chamar a Trombeta. Mas, sob ‘a Grande Trombeta’, a Vinda do Senhor, para anunciar a volta de José, veem? Para que todas as nações se congreguem em Jerusalém. Amém. As pessoas encontram isso no livro de Isaías. Acabo de dar para vocês, faz um momento, um desses capítulos que lemos; isso está em Isaías 18:1 e 3. E em Isaías 27:12 e 13, é onde Ele soa essa ‘Trombeta’, e todas as nações reconhecerão Israel em sua terra, a Deus com ele. Em seguida a Noiva virá estar com o Noivo, e o Noivo com a Noiva; e em seguida o grande Milênio, depois que todo mundo é destruído por meio do poder atômico. E haverá ‘um novo céu e uma nova terra’, que viverá para sempre”.

Impresso em Porto Rico